A essência de uma empresa familiar é a sua capacidade de perpetuação! Por Cícero Rocha

A essência de uma empresa familiar é a sua capacidade de perpetuação!

Afinal, a própria família é uma instituição caracterizada pela continuidade no tempo. Um planejamento estratégico, ou seja, integrado, sistêmico e continuado, irá potencializar essa capacidade de perpetuação, uma vez que a sua implementação auxiliará no alinhamento de missões, visões, objetivos, valores e planos de cada parte que compõe a empresa.

☝🏻 Esse alinhamento é essencial, pois, se há qualquer desajuste ou discordância no horizonte de expectativas e objetivos de uma empresa familiar, ela poderá ficar paralisada ou até mesmo ruir.

Nesses últimos 30 anos experienciando a implementação desse processo de gestão em diversas empresas familiares, algo que tem me garantido êxito é o Método BFB, uma metodologia desenvolvida exclusivamente para as empresas familiares brasileiras e que as define como um ecossistema orgânico constituído por quatro subsistemas integrados:

▪ os indivíduos chave
▪ a família empresária
▪ a empresa familiar
▪ e os sócios.

No Instituto Empresariar, trabalho com um planejamento estratégico específico para cada uma dessas partes constituintes.

Com um planejamento bem estruturado, as famílias empresárias poderão construir uma estratégia integrada e de impacto social, impulsionada por valores compartilhados e utilizando todo o conjunto de oportunidades, talentos e recursos disponíveis para elas.

 

Cícero Rocha,

Fundador do Instituto Empresariar e Referência em Empresas Familiares.

O que fazer quando o herdeiro não se sente parte do negócio da família? Por Cícero Rocha

Primeiramente, o sentimento de pertencimento nos filhos deve ser implantado desde a infância, como algo simples mas que é muito significativo. Envolver as crianças desde pequenas nas atividades da família é uma maneira de incentivar e motivar para que elas permaneçam nos negócios e se sintam parte deles, depois que crescerem. Isso pode ser feito tanto levando os filhos para a empresa, quanto delegando pequenas responsabilidades, como pagar contas de baixo valor, montar uma planilha ou alimentar alguma informação no sistema, sob supervisão e sempre com amor e paciência, respeitando a fase.

Esse é um dos papéis dos mais velhos em uma família empresária, mostrar a todos da família que possuem pertencimento, que fazem parte completamente de um sistema familiar, assim será evitado que um herdeiro (a)/filho (a) sinta-se excluído (a) dos negócios e de todo o ecossistema.

Um planejamento estratégico no período de mais idade dos herdeiros é o ideal para auxiliar os indivíduos-chave em seus desenvolvimentos, no processo de integração e acompanhamento direto dos negócios e da família, além de que serão analisados os pontos fortes e os pontos a serem trabalhados, em cada um!

Evitar conflitos entre a família empresária e tentar sempre compreender e ouvir o ponto de vista de cada membro familiar, também são maneiras de evitar o sentimentos de não aceitação, não pertencimento, não importância ou não compreensão no ciclo familiar, principalmente dos herdeiros.

Cícero Rocha,

Fundador do Instituto Empresariar e Referência em Empresas Familiares.